terça-feira, 14 de junho de 2011

Medo

“Medo de te perder, medo de fechar os meus olhos, acordar não encontrar sua face próxima a minha, medo de que um simples suspiro te leve para bem longe de mim, pois eu sei que onde quer que eu vá, eu quero você bem aqui do meu lado”
Tenho medo, e ele não quer sair de mim, tenho medo de perder todo esse medo.

Em meio às circunstâncias tento ser forte, diante de toda essa raiva que me domina eu tendo ser gentil, me faço outra pessoa para que gostem do meu jeito amável de ser, que me aceitem de um jeito diferente do que sou, todavia não está dando certo.

By: Camila Reis Braga
                                                                                                                           

Nenhum comentário:

Postar um comentário